2 de agosto de 2011

Maquioterapia

"Eu gosto da autoconfiança que a maquiagem me dá." (Tyra Banks)


"Eu não entendo como uma mulher pode sair de casa sem arrumar-se um pouco - se apenas por educação. E então, você nunca sabe, talvez seja o dia que ela tem um encontro com o destino. E o melhor é ser tão bonita quanto possível para o destino." (Coco Chanel)

Adoro essas duas frases acima, descrevem bem a visão que eu tenho sobre o tema 'maquiagem'. Muitos acham que todas que usam maquiagem são fúteis ou qualquer coisa parecida e, eu confesso, antes de começar a usar (dois anos atrás, eu não passava nem sequer protetor solar), eu também achava isso. No começo, foi só por incentivo das minhas amigas, mas depois eu percebi que eu me sentia bem quando estava maquiada, me sentia bonita, enfim, me sentia feliz. O tempo passou, eu mudei um pouco  todos mudam, afinal  mas o hábito de me maquiar continuou. Comecei a ler sobre o assunto, aprendi novas técnicas e, vejam só, fiquei até famosa (na escola eu e minhas amigas somos conhecidas como mesa da maquiagem)! Mas o que eu quero dizer com isso tudo  é que maquiagem pra mim é uma terapia, adoro me fazer de cobaia das novas combinações que eu aprendo ou invento, as cores no meu rosto refletem meu humor de cada dia e quando eu não tenho nada pra fazer maquiagem é uma das primeiras coisas em que eu penso em fazer. A cada dia minha necessaire parece menor, porque vou aumentando minha coleção, entretanto, isso não faz de mim superficial, ultravaidosa ou exibida. Cada garota tem um motivo pra usar maquiagem e não podemos aplicar a regra quando há muitas excessões.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Então, o que achou?
Sua opinião é sempre importante (:

;