22 de maio de 2012

Consumismo moderado

Sou consumista, não nego. Mas só compro quando puder.

No mundo consumista que vivemos hoje é quase impossível querer comprar 5354169760 coisas novas a cada dia. Mas também é verdade que nem todo mundo PODE comprar o que quer.

Com o crescimento dos blogs sobre moda e makeup, vemos diariamente produtos incríveis das mais diversas marcas e dos mais diversos preços. Mesmo que as blogueiras sempre procurem economizar nas suas compras, ou seja, achar produtos bons e baratos, grande parte das melhores roupas/sapatos/maquiagens tem um preço mais elevado.

Depois de ver tutoriais e looks incríveis, é normal que nós queiramos ter algumas dessas coisinhas incríveis que vemos nos nossos blogs favoritos. Quem pode comprar, não mede esforços, vai na loja física mais próxima ou procura uma loja virtual de confiança. E quem não pode? Se quiser muito determinada coisa, economiza, parcela, pede emprestado, recorre a algum sorteio... Enfim, faz o possível. Mas antes de tudo isso, com ou sem dinheiro, é necessário fazer-se uma pergunta: Eu preciso mesmo dessa make/roupa/sapato?

Quando se fala desse universo da vaidade, tudo parece desnecessário, afinal, existem muitas mulheres que são felizes com uma camiseta branca e uma calça jeans básica, sem makes nem sapatos caros (minha mãe, por exemplo). Entretanto, é tudo uma questão de estilo, e muitos de nós imprimem sua personalidade ao seu visual, então sempre estamos em busca de coisas novas que complementem o que já temos.

Uma ideia legal é fazer listas, porque assim você sabe o que realmente quer (exemplo: batom mate vermelho; sombra lilás; base hd), e deixar num lugar fácil, visível. Pronto, já fez sua lista? O negócio é sair pesquisando, mas não só os preços, também a qualidade. Como assim? Você viu uma sombra superlinda e que promete brilhar muito, bem do jeito que você queria, mas será que ela faz isso mesmo? Procure resenhas sobre os produtos, pra saber se eles cumprem o que prometem, pra aí sim avaliar se o preço é justo.

Ah, então você viu um esmalte dourado lindíssimo, mas ele custa 50 reais? Por favor né, se você procurar mais um pouquinho, vai achar um bem parecido por 10% do preço. Mas você quer daquela marca... Então aí é outro caso, quem decide isso é você, se o que vale mais é comprar porque vai usar ou porque vai ter algo daquela marca que é superfamosa e nenhuma das suas amigas tem (ou até já tem e você quer comprar, igual).

É justamente sobre isso que eu queria falar, sobre como comprar, porque independente do preço, você tem que saber que vai usar, "gastar" o que comprou, é isso que faz a compra valer a pena. Assim como eu disse antes, no mundo em que vivemos hoje é difícil resistir às tentações compráveis, mas se for fazer isso, saiba que está comprando algo que, por mais "inútil" que pareça, já estava na sua wishlist e vai ser muito bem usado.

Antes que eu esqueça: lembre-se de que consumismo é diferente de materialismo. Compre tudo o que puder comprar, que te faça feliz de uma certa forma, mas não se esqueça de momentos com as pessoas que gostam de você são muito mais valiosos do que qualquer roupa de grife.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Então, o que achou?
Sua opinião é sempre importante (:

;